Imprensa

Notícias

Veja a repercussão da conquista da Yane15/09/2009 07:09

NewsPress,  terça, 15 de setembro de 2009 / Clipping   / GLOBO ESPORTE   
 
 
 
 
Resultados de notícias sobre copa do mundo de pentatlo no rio

pe360graus.com
VÍDEO: Yane Marques conquista prata inédita para o Brasil no ...  ‎ - 15 horas atrás
... na história um pódio para o Brasil na Copa do Mundo de pentatlo moderno. Na competição disputada no Rio de Janeiro, Yane ficou com a medalha de prata ao ...
globoesporte.com - 12 artigos relacionados »
 
 

14/09/09 - 14h21 - Atualizado em 14/09/09 - 14h21

VÍDEO: Yane Marques conquista prata inédita para o Brasil no pentatlo moderno

Pernambucana coloca o país no pódio da Copa do Mundo pela primeira vez

GLOBOESPORTE.COM Rio de Janeiro

A pernambucana Yane Marques fez história neste domingo ao garantir pela primeira vez na história um pódio para o Brasil na Copa do Mundo de pentatlo moderno. Na competição disputada no Rio de Janeiro, Yane ficou com a medalha de prata ao fazer bonito nas provas de esgrima, hipismo, tiro, natação e corrida. O ouro ficou com a lituana Donata Rimsaite, que fez 5.548 pontos, contra 5.508 da brasileira. Ao longo de toda a disputa, Yane contou com a torcida da mãe. Nervosa, dona Gorete chegou a se esconder no banheiro com medo de assistir à prova de hipismo. Confira as imagens no vídeo ao lado.

 

NewsPress,  terça, 15 de setembro de 2009 / Clipping   / FOLHA DE PERNAMBUCO   


Esportes
Yane Marques chega feliz e confiante
A PERNAMBUCANA de Afogados da Ingazeira, que conquistou a inédita medalha de prata na final da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno

 
Bruno Campos
15/09/2009
Yane Marques comemora o grande feito
Atleta voltou ontem para o Recife após faturar a prata na final da Copa do Mundo
Apesar de toda festa pela inédita conquista, pernambucana garante que não vai aliviar nos treinamentos  
Rômulo Alcoforado
 
Não tinha como ser diferente. Depois de conquistar a medalha de prata na final da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno, na tarde do último domingo, o melhor resultado de uma brasileira na competição, Yane Marques esbanjava felicidade e era só sorrisos na  volta ao Recife. Acompanhada da mãe, Goretti Fonseca, a maior pentatleta da história do País foi recebida, ontem à noite, na Veneza Brasileira, com os merecidos aplausos de uma verdadeira vencedora . Esperando por ela, no Aeroporto Internacional Gilberto Freyre/Guararapes, estavam o namorado, Aloísio Sandes, e a pequenina sobrinha Larissa Gabriela, além da família da sua treinadora, Rafaela Waked.

 

“É mais um grande feito que eu consegui. É uma sensação não de dever cumprido, mas de sonho realizado mesmo. Essa conquista tem um significado muito grande. Você disputar com campeã olímpica, com bicampeã mundial não é fácil”, declarou. A opinião dela é compartilhada pelo namorado, também atleta da modalidade. “Eu diria que é a conquista mais importante dela. Mais até do que o ouro nos Jogos Pan-Americanos (disputados no Rio em 2007), porque quando entram europeias e asiáticas, o nível da competição fica muito mais alto”, comentou.

 

Esta foi a primeira vez que uma brasileira subiu ao pódio numa competição deste porte. Embora tenha liderado as provas durante a maior parte do tempo e ter visto o ouro escapar por muito pouco, Yane não lamenta. “Eu costumo dizer que nunca vou para um campeonato com muita expectativa, porque posso acabar me frustrando. Encaro tudo como uma possibilidade e sempre acredito em mim”, disse.

 

Se Yane Marque estava exultante, sua mãe, Goretti Fonseca, não cabia em si de tanto contentamento. “Eu nunca sonhei que teria uma filha vice-campeã mundial. É gratificante demais. Estou muito orgulhosa. Quando a gente vê um filho bem, feliz, a gente (mãe) fica feliz também”, afirmou.

 

Sem dúvidas, foi uma conquista muito expressiva. Mas engana-se quem imagina que, com esse resultado, a pernambucana vai diminuir o ritmo de treinamentos momentaneamente para comemorar o feito. “Não, não vou folgar. Ainda tenho mais duas competições neste ano (o Brasileiro e o Sul-Americano) e vou continuar treinando forte”, revelou a atleta que segue uma rotina de seis horas diárias de treinamentos, entre exercícios práticos, físicos e psicológicos.

 

Questionada sobre o futuro, a sertaneja de Afogados da Ingazeira (a 386 quilômetros do Recife) se mostrou bastante esperançosa. “Essa prata me abre novos horizontes. Espero que em 2011, 2012 essa progressão continue e eu possa conseguir resultados ainda melhores”, disse.
 
NewsPress,  segunda, 14 de setembro de 2009 / Clipping   / Site oficial da CANDIDATURA RIO 2016   
 
 
 
segunda-feira, 14 de setembro de 2009  
 

Rio de janeiro recebe final da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno

 

Competições de remo e ciclismo também agitaram o fim de semana na cidade

 
 
 

Foto: Divulgação

A menos de um mês da escolha da cidade sede dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016, o Rio de Janeiro viveu mais um fim de semana repleto de competições esportivas. O Complexo Esportivo de Deodoro, construído para os Jogos Pan-americanos Rio 2007 e uma das instalações do projeto Rio 2016, foi sede da final da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno. No domingo, dia 13, a Lagoa Rodrigo de Freitas recebeu a Regata da Escola Naval, mais tradicional prova de remo da cidade. No mesmo dia, as ruas do Centro se transformaram em circuito para a realização da Copa da Cidade de Ciclismo.

Disputada pela primeira vez na América do Sul, a final da Copa do Mundo de Pentatlo reuniu representantes de 20 países no Complexo Esportivo de Deodoro. Na prova feminina, a brasileira Yane Marques somou 5.508 pontos e ficou com a medalha de prata, resultado inédito para o país. A campeã foi Donata Rimsaite, da Lituânia, com 5.548 pontos. “É minha primeira medalha em uma competição desse nível, então estou muito feliz”, comemorou Yane, que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 e sonha com uma edição da competição no Rio de Janeiro, em 2016. “Estou torcendo bastante para a candidatura Rio 2016. Realizar os Jogos Olímpicos será excepcional para o Brasil. É uma competição que deixa legados importantes para os atletas e também para os jovens que estão começando no esporte”.

Campeão entre os homens, com 6.056 pontos, o húngaro Ádám Marosi é outro fã do projeto Rio 2016. “É a segunda vez que participo de uma competição no Rio. Este é meu lugar favorito no mundo. Amo o temperamento das pessoas, amo o Brasil. Realizar a edição de 2016 nesta cidade seria o melhor para os Jogos Olímpicos, é um lugar maravilhoso”, elogiou o húngaro, que dividiu o pódio com o ucraniano Pavlo Tymoshchenko (5.992 pontos) e com o italiano Federico Giancamilli (5.940).

Na Lagoa Rodrigo de Freitas, outra instalação do projeto olímpico do Rio de Janeiro, cerca de 500 remadores disputaram a 33ª Regata da Escola Naval. Além das 16 provas, o evento teve apresentações musicais e uma área de atividades para o público infantil.

Já as movimentadas ruas do Centro do Rio de Janeiro tiveram um público diferente no domingo, dia 13: no lugar de carros e ônibus, as bicicletas dos 100 ciclistas que disputaram a Copa da Cidade. Na categoria principal, os vencedores foram Isael Nunes da Silva e Maíra Hendi. Ainda foram realizadas provas nas categorias iniciantes, master e mountain bike.  “É ótimo termos uma competição nacional no principal centro comercial e financeiro da cidade”, comemorou Anderson Cordeiro, um dos participantes da prova.

 

NewsPress,  domingo, 13 de setembro de 2009 / Clipping   / Site  do COB  

 
Esportes

Pentatlo Moderno conquista prata inédita na etapa da Copa do Mundo no Rio de Janeiro




A pernambucana Yane Marques é a primeira brasileira a subir ao pódio em uma prova de Copa do Mundo de Pentatlo Moderno. Na competição realizada neste domingo, no Complexo Esportivo de Deodoro, no Rio de Janeiro, Yane conquistou o a medalha de prata, somando 5.508 pontos. Laryssa ...

Esportes

Pentatlo Moderno conquista prata inédita na etapa da Copa do Mundo no Rio de Janeiro

13.09.2009 :: 18h36




A pernambucana Yane Marques é a primeira brasileira a subir ao pódio em uma prova de Copa do Mundo de Pentatlo Moderno. Na competição realizada neste domingo, no Complexo Esportivo de Deodoro, no Rio de Janeiro, Yane conquistou o a medalha de prata, somando 5.508 pontos. Laryssa Lellys e Priscila Oliveira se classificaram em 19º e 24º, com 4.940 e 1.580 pontos, respectivamente. Donata Rimsaite (5.548), da Lituânia, venceu a prova e Leila Gyenesei (5.492), da Hungria, ficou em terceiro lugar.

Na prova final da Copa do Mundo, Yane Marques esteve sempre entre as primeiras colocadas. Confira sua performance por modalidade: esgrima (16 vitórias e sete derrotas), natação (2m 15s 62 nos 200m) e hipismo (percurso zerado).

NewsPress,  segunda, 14 de setembro de 2009 / Clipping   / EDITORA ABRIL   
 
 
 
14/09/2009 - 16:15
 

Yane Marques conquista medalha inédita para o Brasil

Gazeta Press
 

 

Pela primeira vez na história do pentatlo moderno, uma brasileira conseguiu ir ao pódio de uma prova de Copa do Mundo. O feito foi alcançado neste domingo, com a pernambucana Yane Marques atingindo o segundo lugar na final da competição, no Rio de Janeiro.

A vencedora foi a lituana Donata Rimsaite, com 5.548 pontos enquanto Yane Marques somou 5.508 pontos. Em terceiro lugar apareceu a húngara Leila Gyenesei com 5.492. Outras brasileiras na competição, Laryssa Lellys e Priscila Oliveira se classificaram em respectivamente em 19 e 24 lugar.

Priscila não terminou a prova porque, no aquecimento do hipismo, seu cavalo refugou e ela caiu. Imobilizada, a atleta foi levada ao hospital, de onde foi liberada ainda na tarde de domingo.

Favorita da competição, a alemã Lena Schoneborn (ouro nas Olimpíadas de Pequim) foi a 16 , enquanto a inglesa Heather Fell ficou com a prata.

 

NewsPress,  segunda, 14 de setembro de 2009 / Clipping   / PERNAMBUCO  360 graus   
 
Globo Nordeste

 

Segunda - 14/09/09 15h53, atualizado em 14/09/09 15h53

Yane Marques conquista medalha inédita para o Brasil

A pernambucana conquistou a medalha de prata no Mundial de Pentatlo Moderno

Da Redação do pe360graus.com

TV Globo

Foto: TV Globo

Uma pernambucana fez bonito no Mundial de Pentatlo Moderno, realizado no Rio de Janeiro, nesse fim de semana. Yane Marques conseguiu um feito inédito. A pernambucana de Afogados da Ingazeira, Sertão do Estado, conquistou a medalha de prata.

Yane, que é a número um no ranking brasileiro, só foi superada pela lituana Donata Rimsaite. Mas a prata vale ouro, já que pela primeira vez na história uma brasileira subiu ao pódio na competição. yane chega esta noite ao Recife.

 
NewsPress,  segunda, 14 de setembro de 2009 / Clipping   /  DIÁRIO DE PERNAMBUCO     
 
 
14/09/2009 | 20h05  |  Pentatlo

Yane Marques leva a prata e faz história na Copa do Mundo