Imprensa

Notícias

Brasil tem 6 representantes no Budapeste Indoor30/01/2020 18:08


Competição distribuiu pontos para o ranking olímpico, que vai definir as últimas vagas da modalidade para Tóquio 2020

Seis brasileiros estiveram presentes na primeira grande competição internacional do Pentatlo Moderno em 2020, o Budapeste Indoor. O torneio começou na quarta-feira, 29 de janeiro, e vai até este domingo, 2, na capital da Hungria. A competição vale pontos para o ranking olímpico que vai definir, em junho, as últimas vagas da modalidade para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

Por isso, estiveram presentes 131 pentatletas de 32 países, números considerados bem expressivos para o tradicional torneio do país europeu. Dentre os atletas, estivemos representados por Danilo Fagundes, de 31 anos, e Felipe Nascimento, 26, na disputa masculina; e Ieda Guimarães, 19, Isabela Abreu, 24, Priscila Oliveira, 31, e Stephany Araújo, 24, entre as mulheres.

Como a competição foi bem acirrada, nenhum brasileiro conseguiu ficar entre os 36 finalistas. Na classificação geral entre os homens, Danilo foi o 52º depois de conquistar 1.092 pontos e Felipe o 57º com 1.076. Já no evento feminino, Isabela foi a 41ª com 976 pontos, Priscila a 43ª com 967, Stephany a 50ª com 934 e Ieda a 54ª com 913.

As provas do Budapeste Indoor acontecem na BVSC Laky Karoly Swimming Pool (natação), no BOK Sport Hall (esgrima e laser-run) e no National Riding Hall (hipismo). Os brasileiros não encararam os saltos com o cavalo na qualificação, já que o evento equestre só está presente nas finais da modalidade.

CORRIDA OLÍMPICA

Dos brasileiros que competiram na Hungria, Ieda Guimarães já está garantida em Tóquio 2020. A brasileira conquistou a sua vaga ao ser a melhor sul-americana nos Jogos Pan-Americanos Lima 2019. Por isso, carioca participou da disputa em Budapeste como preparação para as Olimpíadas.

O ranking olímpico que está sendo formado vai distribuir, pelo menos, 12 vagas para os Jogos, seis em cada gênero. No entanto, esse número pode ser maior, já que pode haver vagas remanescentes dos outros eventos de classificação olímpica que estão acontecendo.

Sem contar o Budapeste Indoor, dos brasileiros que estiveram na Hungria, Danilo ocupa o 4º lugar do ranking olímpico e Felipe o 6º, entre os homens. No feminino, Priscila é a 6ª e Isabela a 10ª. A Stephany não aparece na relação e Ieda é a 22ª, mas já está garantida em Tóquio 2020.

De acordo com o sistema de classificação do Pentatlo Moderno para os Jogos, cada país só poderá ter até dois representantes por gênero no Japão. Ou seja, o Brasil pode conquistar mais uma vaga no feminino e duas no masculino.

Depois do torneio na Hungria, a próxima competição dos pentatletas brasileiro será a primeira etapa da Copa do Mundo, que será disputada de 26 de fevereiro a 1º de março no Cairo, Egito. O torneio, claro, também vale pontos para o ranking olímpico.

Nossa delegação esteve no Budapeste Indoor sob o comando do instrutor de esgrima da Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM) no Rio, o Mestre D’Armas Guilherme Giffoni. Todos os competidores recebem a Bolsa Atleta do Ministério da Cidadania.

Dos seis, Felipe, Ieda, Isabela e Stephany fazem parte do Programa de Alto Rendimento das Forças Armadas. Felipe pela Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA), Ieda e Stephany pela Comissão de Desportos da Marinha (CDM) e Isabela pela Comissão de Desportos do Exército (CDE).

BRASILEIROS NO BUDAPESTE INDOOR

MASCULINO (71 competidores de 26 países)

Danilo Fagundes: 52º (1.092 pontos)
Natação: 2min13s06 (618 pontos)
Esgrima: 14 vitórias (190 pontos)
Laser-run: 11min22s05 (618 pontos)

Felipe Nascimento: 57º (1.076 pontos)
Natação: 2min05s39 (300 pontos)
Esgrima: 15 vitórias (190 pontos)
Laser-run: 11min54s01 (586 pontos)

FEMININO (60 competidoras de 23 países)

Isabela Abreu: 41 (976 pontos)
Natação: 2min26s83 (257 pontos)
Esgrima: 14 vitórias (202 pontos)
Laser-run: 13min03s74 (517 pontos)

Priscila Oliveira: 43 (976 pontos)
Natação: 2min20s96 (269 pontos)
Esgrima: 12 vitórias (186 pontos)
Laser-run: 13min08s09 (512 pontos)

Stephany Saraiva: 50 (934 pontos)
Natação: 2min34s28 (242 pontos)
Esgrima: 12 vitórias (186 pontos)
Laser-run: 13min14s23 (506 pontos)

Ieda Guimarães: 54 (913 pontos)
Natação: 2min31s02 (248 pontos)
Esgrima: 15 vitórias (210 pontos)
Laser-run: 14min05s16 (455 pontos)

BRASILEIROS NO RANKING OLÍMPICO*

MASCULINO
Danilo Fagundes: 4º, com 76 pontos
Felipe Nascimento: 6º, com 71 pontos
William Muinhos: 101º, com 13 pontos

FEMININO
Priscila Oliveira: 6ª, com 70 pontos
Isabela Abreu: 10ª, com 62 pontos
Ieda Guimarães: 22ª, com 48 pontos (já classificada)

* Sem contar com o Budapeste Indoor

COMPETIÇÕES RESTANTES DO RANKING OLÍMPICO

26 de fevereiro a 1º de março de 2020: Primeira Etapa da Copa do Mundo (Egito)
25 a 29 de março de 2020: Segunda Etapa da Copa do Mundo (Bulgária)
2 a 6 de abril de 2020: Terceira Etapa da Copa do Mundo (Bulgária)
29 de abril a 3 de maio de 2020: Quarta Etapa da Copa do Mundo (Hungria)
14 a 17 de maio de 2020: Final da Copa do Mundo (Coreia do Sul)
26 a 31 de maio de 2020: Mundial (China)
Abril: México (competição em análise)

 

« Voltar

Twitter Facebook

Fale conosco

Apar Comunicação
aparcomunica@gmail.com
(21) 9698-9708 (Ana Paula Domingues)
(21) 9245-8696 (Raimundo Aquino)