Imprensa

Notícias

André Lima faz 3º tempo em Estadual de Natação15/12/2017 02:40


Paraibano que mora no Rio de Janeiro e migrou para o Pentatlo Moderno há poucos meses surpreendeu ao voltar a competir em seu esporte de origem na capital fluminense


Teve pentatleta entre os melhores tempos do Campeonato Estadual de Natação do Rio de Janeiro, realizado nesta sexta-feira, 15, na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). André Lima surpreendeu e foi o responsável pela terceira marca da prova dos 200 metros estilo livre, a mesma que ele encara quando compete pelo Pentatlo Moderno. O paraibano de 20 anos que se mudou para a capital fluminense no início do ano cravou 1min57s82.

A disputa da qual André participou reuniu 67 nadadores. O melhor tempo foi do atleta do Fluminense Kalel Damas, que nadou em 1min53s06, seguido do competidor do Flamengo Marcelo Roge (1min56s86).

“Gostei muito de participar da prova porque neste ano ainda não tinha feito nenhuma competição só de natação. Pude voltar a sentir a adrenalina de nadar lado a lado com nadadores de ponta”, comemora o jovem atleta, que no Pentatlo Moderno ainda é da categoria Júnior (para competidores de 19 a 21 anos).

Com o tempo feito nesta sexta, André já acumula dois resultados bem positivos somente neste início de dezembro. É que no último sábado, 9, durante o Campeonato Brasileiro de Pentatlo Moderno, o atleta superou o recorde mundial Júnior da prova de natação da modalidade.

O paraibano conquistou extraoficialmente a marca ao nadar os mesmos 200 metros livres em 1min55s59. O dono do atual recorde é o britânico James Cooke, com 1mi56s10, cravados no Campeonato Europeu Júnior de 2011, na Polônia.

“Com certeza foi um pouco mais fácil nadar agora do que competir no Brasileiro no último sábado. Há uma semana, enfrentei as cinco modalidades, enquanto no Estadual encarei apenas uma. Isso fez com que eu ficasse mais confiante”, André conta.

Três estados até chegar ao Rio

Nadador desde os 13 anos de idade, André já ganhou vários títulos pela natação, chegando a competir na Europa pela modalidade. O atleta teve o primeiro contato com o Pentatlo Moderno no ano passado quando morava em Minas Gerais e nadava pelo Minas Tênis Clube.

Lá, foi descoberto pelo programa de formação acelerada de pentatletas da Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM), conduzido pelo ex-nadador medalhista olímpico de bronze nos Jogos Olímpicos Moscou 1980 e 11 vezes medalhista dos Jogos Pan-Americanos Djan Madruga.

Migrando para a modalidade que reúne esgrima, natação, hipismo e laser-run (tiro a laser e corrida), André logo começou seus treinos nas instalações da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). No início desse ano, teve uma breve passagem pelo centro de treinamento do Pentatlo Moderno em Santos, no litoral paulista, até se instalar no CT da CBPM no Rio de Janeiro, onde treina atualmente.

“Com a prova desta sexta, pude ver que meus resultados não estavam tão distantes dos melhores do Rio de Janeiro. Fiquei muito feliz e espero competir mais na natação no ano que vem para melhorar meu desempenho no Pentatlo”, projeta o jovem atleta.

 

« Voltar

Twitter Facebook

Fale conosco

Apar Comunicação
aparcomunica@gmail.com
(21) 9698-9708 (Ana Paula Domingues)
(21) 9245-8696 (Raimundo Aquino)