Imprensa

Notícias

Stephany Saraiva ganha prêmio na Bélgica18/11/2017 18:10


Carioca de 22 anos foi a única que representou o país em premiação do Comitê Internacional para o Fair Play, concedida nesta sexta, 17, em Bruxelas

O Brasil esteve presente na cerimônia de entrega do Prêmio Fair Play Mundial de 2017, que aconteceu nesta sexta-feira, 17, em Bruxelas, na Bélgica. A dona de tamanha honraria foi a pentatleta Stephany Saraiva, 22. Ela foi a única brasileira premiada na capital do país europeu e chegou até lá graças ao reconhecimento de um feito seu durante o Campeonato Pan-Americano de Pentatlo Moderno de 2016, realizado em Buenos Aires, na Argentina.

Na ocasião, a carioca, então com 20 anos, estava na prova de esgrima e durante o combate com a guatemalteca Isabel Brand foi dada como vitoriosa em uma das rodadas do duelo. Só que a espada da brasileira não tocou na sua adversária e Stephany não hesitou em alertar o juiz. A atitude da brasileira chamou a atenção do Comitê Internacional para o Fair Play, que resolveu lhe conceder o Diploma de Ato de Fair Play, pelo jogo limpo apresentado no país vizinho.

“Fiquei impressionada com a magnitude da cerimônia em Bruxelas. Foi tudo muito grande e tivemos praticamente o dia todo de eventos”, ela conta como foi a experiência por lá. “Pela manhã, tivemos encontro com personalidades do país, como presidentes de confederações e de outras organizações esportivas, e à noite foi a entrega dos prêmios”, Stephany acrescenta.

Segundo prêmio

A passagem para a brasileira ir à premiação em Bruxelas foi concedida pela União Internacional de Pentatlo Moderno (UIPM), que se associou a este especial momento do esporte mundial. Stephany, inclusive, já tinha sido reconhecida pelo jogo limpo na Argentina pela UIPM, quando ao final da competição de 2016, a entidade lhe concedeu o Troféu Fair Play pela sua bela atitude

A pentatleta não imaginava que seu gesto, que para ela foi nada mais do que algo corriqueiro, fosse gerar tamanha repercussão não só no continente quanto no mundo.

“Estou contente e espero ter ajudado de certa forma o meu esporte. Esse era o meu único intuito de vir à Bélgica para participar da cerimônia”, ela deixa claro.

No duelo da esgrima responsável pelo Diploma de Ato de Fair Play que recebeu, a carioca saiu vitoriosa contra Isabel Brand numa melhor de três, por dois toques a um.

Stephany foi revelada pelo PentaJovem, projeto que a Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM) mantém para a descoberta e formação de novos talentos na modalidade. Ela também recebe o benefício da Bolsa Atleta do Ministério do Esporte.

GANHADORES DO TROFÉU FAIR PLAY MUNDIAL DE 2016

PIERRE DE COUBERTIN POR ATO DE FAI PLAY

Troféu
Jorge Ariel Rodriguez (Argentina)

Diplomas
Alistair Brownlee (Reino Unido)
Filippo Rossi (Suíça)
Glen Howard – Pat Simmons – Craig Savill (Canada)
Pippo Squatrito (Itália)
Vittorio Podestŕ (Itália)
Stephany Saraiva (Brasil)

JEAN BOROTRA PELA CARREIRA

Troféu
Jacques Rogge (Bélgica)

Diplomas
Alvise De Vidi (Itália)
Ekaterina Gamova (Rússia)
Szymon Krasicki (Polônia)

WILLI DAUME POR PROMOÇÃO

Troféu
Turkish Olympic Committee Fair Play Committee (Turquia)

Diplomas
ASKO (Áustria)
Romanian Olympic Academy (Romênia)
Pallacanestro Crema (Itália)
Gilad Lustig and Hilla Davidov (Israel)
Eva Durska and Piotr Malachowsky (Polônia)

PRESIDENTE DO COI PARA A JUVENTUDE

Troféu
Equipe de Esgrima Júnior da Ucrânia

 

« Voltar

Twitter Facebook

Fale conosco

Apar Comunicação
aparcomunica@gmail.com
(21) 9698-9708 (Ana Paula Domingues)
(21) 9245-8696 (Raimundo Aquino)